Alfabetização invisível

Num cantinho de papel
Tomei nota
Do que queria lembrar

O tempo passou
O papel desbotou
Os desejos mudaram

Notável é o que
Se escreve nas células
Da identidade

Células são banhadas
Pela COR carmesim
Sanguínea

Por água e ar
Fluentes
Fluídos

Levam nutrientes
Que nem podemos imaginar

Para que possamos
Escolher na Terra

Para que possamos desintoxicar
Expurgado é o excedente

Nas letras do dia
Alfa Beta em AÇÃO.

5 comentários

  1. Não tomei nota de nada / de nada tomei conhecimento / lr de déu em déu, de porta em porta / um mais um é igual ao Infinito / gravado está nas células: Vá, o horror te espera / porém, para além-lá dele, o Amor te aguarda. / Serás.

    Aquele domingo.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s